Mudança do estilo de vida

Você não pode mudar o fato de você ter  ou ter tido um tumor ósseo ou sarcoma, mas pode mudar o seu modo de vida. Faça escolhas saudáveis, sinta-se bem, reveja seus objetivos, encare a vida de uma nova forma. 

 

Por mais que o diagnóstico de câncer possa ser assustador, é importante conhecer e entender as formas de tratá-lo e de viver com ele. Pesquisar, conversar com o especialista e se informar sobre os possíveis tratamentos, as suas indicações, contraindicações, reações adversas e complicações, deixarão o paciente mais seguro nas suas decisões com relação à doença.

 

Também é importante manter amigos e família por perto, pois eles fornecem o apoio que o paciente precisa para enfrentar estes momentos. Pode ser interessante encontrar alguém com quem se possa conversar, se não um amigo ou familiar, pode ser importante conversar com um psicólogo sobre o problema. Fatores psíquicos podem interferir nos sintomas clínicos.

 

O paciente também deve saber que, depois de tratado, fazer exames e avaliações periódicas para verificar o controle da doença fará parte da sua rotina para garantir que, caso algo aconteça, ele seja tratado o mais rápido possível evitando maiores complicações.

 

É hora de ver a vida sobre uma nova perspecitva, com muito otimismo e com espírito de renovação, e não o contrário. Hora de começar a se preocupar com a saúde, tentar alimentar-se melhor, levar uma vida menos sedentária, maneirar no álcool e param de fumar, por exemplo.

 

Não se estresse com pequenas coisas. É o momento de reavaliar a vida e fazer mudanças. Se preocupe com sua saúde física e mental!

 

Alimente - se  bem

Tente não se preocupar com a mudança no paladar ou o possível ganho de peso devido ao tratamento. Se você tem dificuldades para se alimentar, procure mudar seus hábitos alimentares.

 

Coma menos e mais vezes por dia. As coisas tendem a melhorar com o tempo. Se você sentir necessidade procure um nutricionista.

 

Uma das melhores coisas a se fazer agora é reorganizar seus hábitos alimentares. Opte por alimentos mais saudáveis e tente manter um peso adequado. Você se surpreenderá com os benefícios que isso irá lhe trazer.

 

 

Exercícios, cansaço e repouso

A sensação de estar sempre cansado pode ser comum após o tratamento. Porém é um tipo de cansaço diferente, que não melhora após um período de descanso.

 

É uma espécie de fadiga e uma das maneiras de reduzir essa sensação é justamente buscar se exercitar, mesmo sendo difícil. Comece aos poucos, no seu ritmo, e vá aumentando os exercícios conforme vá se sentindo com mais disposição.

 

Converse com seu médico sobre o melhor momento para iniciar a prática de exercícios, pode também consultar com um fisioterapeuta especializado que poderá lhe orientar de maneira adequada.

 

Benefícios das atividades físicas:

 

  • Melhora o condicionamento cardiovascular.

  • Aliado a uma boa dieta, ajuda na perda de peso.

  • Fortalece a musculatura.

  • Reduz a fadiga.

  • Pode diminuir a ansiedade e depressão.

  • Pode fazer com que você se sinta mais feliz e melhor consigo mesmo.

  • Reduz as chances de um novo câncer.

 

 

Recidiva

 

 

A maioria dos pacientes quer saber o que podem fazer para diminuir ou até mesmo evitar que a doença volte.

 

Embora estas mudanças possam ajudar nessa prevenção, não há como garantir a sua eficácia. No entanto, pode ser interessante tomar algumas medidas que podem ajudar a reduzir esse risco.

 

Parar de fumar é uma das coisas que ajudam não só a evitar o risco de um novo câncer, como, também, aumentar o tempo de vida, mesmo daqueles que já tem metástase. Se preocupar com a alimentação também é válido. Não esqueça da força de vontade e de acreditar, sua saúde emocional também é muito importante!